OPINIÃO E INFORMAÇÃO Facebook Twitter
Maceió/Al, 28 de fevereiro de 2020

Colunistas

Ivan Nunes Ivan Nunes
É jornalista profissional. Há mais de 20 anos escreve sobre os bastidores da política na Zona da Mata alagoana.
20/06/2016 às 10:25

Petistas fazem 'curso rápido' visando as eleições municipais

Encontro dos petistas palmarinos Encontro dos petistas palmarinos

O PT de União dos Palmares aproveitou o final de semana para trocar as visitas políticas no município por orientações de como se deve agir, como candidato, na campanha para prefeito e vereador em 2016. Sérgio Rogério e Nádia Seabra são candidatos a vereador pelo partido, já Carla Tereza vem sustentando o rojão de sua candidatura à Prefeitura de União dos Palmares. Na atual situação, defender o PT né brinquedo não, mas eles são 'resistentes'.

O PT, de acordo com o deputado federal Paulão, presidente regional do partido em Alagoas, tem simpatia pela candidatura à reeleição do prefeito Eduardo Pedrosa, mas dispõe de nome para a sucessão municipal. Na proporcional, eles vêm flertando com o Solidariedade. Pensam numa coligação e até já trocaram número de telefones, a exemplo de Nádia Seabra com Adelson Andrade, muribixaba do SD.

Mas o nome do partido para a Câmara de vereadores, que reluz por aí, tem sido o de Francelino Amaro. Ele foi ex-secretário municipal de Infraestrutura do prefeito mais do que afastado, Beto Baia; é queridinho do ex-deputado Nelito Gomes de Barros e, mesmo com Carla Tereza na luta, Francelino poderá pular a cerca e ir de Manoel Gomes de Barros - na 'baixa' - na eleição que se avizinha.

No PT tudo é permitido. Manoel Preguinho foi o exemplo mais claro da rebeldia partidária. Era petista, mas agia às claras contra a ideologia do partido. Centenas e dezenas de reuniões foram feitas para punir ou até mesmo expulsar Preguinho do Partido dos Trabalhadores, mas o assunto nunca saiu da pauta e lá mesmo morria.

Foi então que Manoel Preguinho se filiou no PDT, onde vai disputar a releição ao lado de Almir Belo e Cicero Aureliano, Tita, atual presidente da Câmara de vereadores. Não foi um bom negócio para Manoel Preguinho, acham alguns, mas essa sua desistência de continuar nas fileiras do PT pode lhe custar caro, pois sua reeleição periga não acontecer. Cá pra nós, é hora de saber quem tem café no bule.

Comentários

181
Natura
Siga o AL1 nas redes sociais Facebook Twitter

(82) 996302401 (Redação) - Comercial: [email protected]

© 2020 Portal AL1 - Todos os direitos reservados.