OPINIÃO E INFORMAÇÃO Facebook Twitter
Maceió/Al, 20 de outubro de 2017

Colunistas | Arquivo: Outubro / 2017

Ivan Nunes Ivan Nunes
É jornalista profissional. Há mais de 20 anos escreve sobre os bastidores da política na Zona da Mata alagoana.
18/10/2017 às 11:36

Pressão de 3 vereadores e aposentados leva Kil de Freitas liberar salário de setembro da categoria

Com cara de lobo mau, do tipo que não está nem aí para a vovózinha, o prefeito Kil de Freitas resolveu receber no meio da tarde desta segunda-feira,17, aposentadas e 5 dos 15 vereadores compadecidos com a causa de quem se dedicou toda uma vida numa sala de aula gastando saliva na rede municipal de ensino que , parece já foi bom negócio. 

Comendo o pão que o Kil de Freitas amassou para receber seus vencimentos depois de muito lero lero, ficou acertado que neste sábado,21, será liberado o mês de setembro 18 dias.

A reação das aposentadas teve início na noite desta segunda-feira. Elas aproveitaram a realização da sessão ordinária na Câmara Municipal e foram apelar para os seus representantes e até alguns ex-alunos que viraram vbereador. 

Ocuparam as cadeiras do plenário da casa e inclinaram seus ouvidos para os discursos alguns contra a política salarial de Kil de Freitas, outros loas para o Chefe do Executivo Municipal. 

Condoídos com o caso das aposentadas que não pouparam a verdade com relação a sua situação, onde a melhorzinha de todas, está sem puder comprar seus remédios para combater a artrite, pagar o plano funerário que já atrasou e manter na despensa alimentos suficiente para o mês.

Diante do prefeito Kil de Freitas, mais relatos e pedidos para a liberação do mês de setembro que ficou aprazado para ser feito no sábado,21. Olivânio Tita, utilizou as redes sociais para tecer pesadas críticas ao gestor municipal, condenando a forma de pagamento nefasta dispensada ao servidor público de União dos Palmares. Por onde anda o Estatuto do Idoso?

Leia mais »
Postado por Ivan Nunes
17/10/2017 às 18:27

Aposentadas invadem Câmara querendo apoio dos vereadores para Kil de Freitas pagar 2 meses de atraso

Cerca de nove aposentadas ocuparam as cadeiras do plenário da Câmara de Vereadores para reclamar a bancada do prefeito Kil de Freitas que o atraso nos seus vencimentos tem dois meses já.

O malvado do prefeito, não justifica via Jorjão Luiz, secretario municipal de Finanças qual o dia em que serão liberados os salários dessas moças que perderam a mocidade dando duro no serviço público municipal.

Uma delas chegou a cochichar no ouvido de um ex-aluno, hoje vereador, que até o básico na sua casa caminha para faltar. "Estou com tudo atrasado. Desde a compra no supermercado, como água, luz e cartão", disse uma aposentada ao blog de olhos marejados.

"Uma situação de penúria, só Deus na causa, e, esse prefeito não move uma palha para pagar a gente", revelou outra que perdeu voz e os cabelos pretinhos dentro de uma sala de aula no antigo ginásio Mário Gomes de Barros.

O blog decidiu não revelar nomes, para preservar a imagem de quem mais de 40 anos prestou serviços a municipalidade nas mais diversas funções do serviço público municipal.

 "Meu marido foi vereador daqui, eu trabalhei aqui, e hoje engrosso a fila das aposentadas que não recebem e já descamba para o terceiro mês", disse outra aposentada.

Parece que passou ser ineficiente procurar os vereadores para tratar de um assunto junto ao prefeito, Areski Freitas. Foras do contexto, o vereador Netinho, num áudio que circula nas redes sociais, disse que já não aguenta mais ouvir as queixas das pessoas quando os vereadores saem as ruas. "Seja qual for o prefeito, quem está no desgaste colegas, somos nós, vereadores", advertiu o político.

Já dava sono nas aposentadas, pois passava das 21h a discussão em torno do pagamento das aposenhtadas que já está em dois meses. Outro assunto que revela a face perversa de Kil de Freitas, que atua nesse enrêdo como uma espécie de Lobo Mal querendo pegar a vovózinha com sua netinha indefesa. Com a palavra, o Ministério Público Estadual de União dos Palmares.

Leia mais »
Postado por Ivan Nunes
15/10/2017 às 21:15

Visita surpresa do promotor de Justiça a Casa Lar revela abandono da prefeitura e falta de comida para as crianças

Uma visita surpresa do promotor de Justiça, Carlos Davi Correia de Lima, ao pingo do meio dia, na casa 304, localizada no centro de União dos Palmares, revelou a face do governo municipal no tratamento com as crianças em fase de vulnerabilidade. Acompanhado de alguns conselheiros tutelares, Carlos Davi foi direto a geladeira e ao abrir tomou o maior susto com o que viu.

No congelador, um pacote de leite pedrado, uma garrafa de água da torneira pela metade. No imóvel onde residem três crianças sob a proteção do ECA - Estatuto da Criança e do Adolescente - um sofá mais duas cadeiras. Nisso, o promotor de Justiça se dirigi até a dispensa da Casa de Passagem ou Casa Lar, onde as crianças em estado de vulnerabilidade e, em busca de amparo e proteção, a convivência agora passou para a tutela do desprezo.

Ao abrir a portinhola do armário deu de cara com meio quilo de feijão, um pacote de arroz. Mistura nem de longe.

Irritado, o promotor de Justiça sacou o telefone celular e falou com o procurado-geral do município, Belarmino Soares, que recentemente em viagem a outro pais com mais dois amiguinhos enfrentou problemas na fronteira do Paraguai.

Uma fonte do blog revelou que o diálogo foi de cobrança, e visivelmente chateado, Carlos Davi Correia de Lima fez cobranças em defesa das crianças como promotor da Infância e Adolescência.

- Dr não é possível acontecer o que estou vendo aqui na casa Lar! Faltando comida para as crianças e seus acompanhantes, doutor! Olhe, resolva isso imediatamente, senão tomarei as providencias cabíveis, disse o promotor de Justiça de União dos Palmares, que em Joaquim Gomes na condição de promotor eleitoral, fretou um ônibus e entupiu de vereadores acusados de corrupção em plena sessão ordinária. Foi a maior prisão coletiva de políticos já visto naquela região.

O Conselho Municipal dos Direitos da Criança - CMDC - de União dos Palmares, sob a presidência de Carlos da Umes resolveu reunir seus membros para uma reunião de emergência. Na hora, Carlos da Umes resolveu abrir o jogo e, detalhou a situação de penúria em que vivem as crianças da Casa Lar.

Irritada, a irmã da secretária municipal de Assistência Social, que representa a titular da pasta, elizabeth Melo, esmurrou a mesinha da sala e condenou a postura de Carlos da Umes, que por ser governo municipal não deveria expor o caso e muito menos socializar aos moldes do presidente que derrubou Diego Calixto do cargo. Em seguida, a servidora que escapou da lista de Kil de Freeitas, se retirou da reunião com extrema raiva.

A casa Lar ou Casa de Passagem é mantida pela secretaria municipal de Assistência Social, que sofre tráfico de influência do vice-prefeito, Zé Alfredo. A visita surpresa do promotor de Justiça, Carlos Davi, ocorreu na quarta-feira, dia 11.

A cada dia o prefeito Kil de Freitas oferece mais combustível para a oposição com suas extripulias administrativas. São salários de contratados atrasados, demissões irregulares, falta de merenda nas escolas de acordo com relatos de profissionais da Educação. 

As unidades escolar Padre Donald encabeça a lista e, por outro lado, há informações de maus tratos a alunos da Filomena Medeiros que fazem refeições pelos corredores ou no chão, ao bel prazer da direção. Continua o Ministério Público do Estado com a palavra.

Leia mais »
Postado por Ivan Nunes
12/10/2017 às 06:19

Rejeição a administração Kil de Freitas dobra nos últimos 9 meses

O prefeito Kil de Freitas governa União dos Palmares com prioridade única: não cair. Quando sobe os degraus da prefeitura municipal em direção ao seu gabinete ele faz sempre, como se fosse a última vez. Ele, como ninguém, sabe que sua hora é chegada. Enquanto nada acontece anuncia medidas que chamam a atenção de muitos e a cada dia irrita a população.

E isso tem refletido, e muito, no seu chefe político, o governador Renan Filho, que tenta agradar os eleitores de União dos Palmares para virar a mesa da realidade de rejeição do prefeito Areski Freitas, co-responsável pelo suposto insucesso do filho do senador Renan Calheiros, no município. 

Uma pesquisa recente, saida do forno tem pouco tempo, revela o dobro da rejeição dos palmarinos com o gestor Kil de Freitas e toda a sua gestão pós fraude da merenda escolar.

Os números são legítimos por que o instituto que revelou essa situação vexatória do prefeito de União dos Palmares com respingos no governador Renan Filho, tem o respaldo no Chefe do Executivo estadual há anos. Confira o resultado que com exclusividade revela o blog.

Leia mais »
Postado por Ivan Nunes
09/10/2017 às 21:23

Lixo doméstico irrita moradores e imagens viralizam nas redes sociais

Irritados com a deficiência na coleta do lixo doméstico nos bairros Abolição e Roberto Correia de Araújo, um morador, com uma câmera na mão e uma ideia na cabeça gravou imagens de um lixão formado por moradores no entorno, em parte do lastro da ponte ex-prefeito Zé Pedrosa.

Alvo de criticas pelos transeuntes, as imagens viralizaram nas redes sociais e foi aberto o debate sobre o descaso que tem levado moradores a tecerem pesadas criticas sobre a gestão do prefeito Kil de Freitas e seu subalterno da Seinfra. Confira o vídeo abaixo.

Leia mais »
Postado por Ivan Nunes
Natura
Siga o AL1 nas redes sociais Facebook Twitter

(82) 3028-7338 (Redação)

© 2017 Portal AL1 - Todos os direitos reservados.