OPINIÃO E INFORMAÇÃO Facebook Twitter
Maceió/Al, 22 de outubro de 2018

Colunistas

Valderi Melo Valderi Melo
É jornalista profissional formado pela Universidade Federal de Alagoas (Ufal) desde 1994. Há 20 anos escreve sobre os bastidores da política alagoana.
12/02/2018 às 14:51

Surpresa de carnaval: Téo Vilela desiste de disputar o Senado

Publicação feita por Teotonio Vilela em sua página do Facebook onde anuncia sua desistência em disputar o Senado Publicação feita por Teotonio Vilela em sua página do Facebook onde anuncia sua desistência em disputar o Senado

Em plena segunda-feira de carnaval, o ex-governador Teotonio Vilela Filho (PSDB) usou sua conta no Facebook para informar que desistiu de disputar uma das duas vagas de senador que estarão em disputa nas eleições deste ano. Teotonio – que governou Alagoas por dois mandatos entre 2007 e 2014, além de ter sido eleito três vezes senador em 1986, 1994 e 2002 – estava fora da política desde que encerrou o mandato no final de 2014.

Recentemente o ex-governador passou à presidência do PSDB alagoano ao prefeito de Maceió, Rui Palmeira, apontado como virtual candidato ao governo, mas que até agora também não se manifestou publicamente se vai ou não medir forças contra o governador Renan Filho (PMDB). O ex-governador também teve seu nome envolvido em denúncias de corrupção.  No final de novembro do ano passado, uma operação da Polícia Federal foi deflagrada para apurar supostas fraudes nas obras do Canal do Sertão durante a gestão de Vilela.

Em sua página no Facebook, Teotonio Vilela Filho, fez a seguinte postagem.

“Hoje comuniquei ao prefeito Rui Palmeira, presidente do meu partido, o PSDB, que não disputarei o Senado da República agora em 2018, mas que estarei firme no apoio à sua candidatura ao Governo do Estado. Agradeço imensamente à população da minha Alagoas que me coloca bem situado nas pesquisas de opinião pública como candidato a Senador, assim como todas as manifestações de apoio que tenho recebido de lideranças políticas nacionais e locais. A todos, muito obrigado. Depois de três mandatos de senador, dois de governador e por várias vezes presidente nacional e estadual do PSDB, continuarei a contribuir com o meu estado como cidadão. Que Deus abençoe a todos nós”.

A desistência de Teotonio em disputar o mandato de senador pode facilitar futuras composições políticas em torno do nome de Rui, mas também pode trazer prejuízos ao grupo político que orbita em torno do prefeito da capital alagoana, principalmente se for levado em conta o bom desempenho do ex-governador nas pesquisas de intenção de voto. 


Comentários

Natura
Siga o AL1 nas redes sociais Facebook Twitter

(82) 996302401 (Redação)

© 2018 Portal AL1 - Todos os direitos reservados.