OPINIÃO E INFORMAÇÃO Facebook Twitter
Maceió/Al, 12 de dezembro de 2018

Colunistas

Wadson Regis Wadson Regis
Jornalista profissional, formado pela Universidade Federal de Alagoas (Ufal), é editor-geral do AL1.
26/11/2018 às 09:55

Maragogi tem as belezas que encantam, atraem turistas do mundo e geram renda, mas o Estado precisa fazer sua parte

Bela Maragogi carece dos esforços do Estado para concluir o esgotamento sanitário e o abastecimento de água. Trechos da AL-101 também preocupam Bela Maragogi carece dos esforços do Estado para concluir o esgotamento sanitário e o abastecimento de água. Trechos da AL-101 também preocupam

No dia 6 de setembro, a 30 dias da eleição, o governador Renan Filho se reuniu para uma sabatina com representantes do trade turístico do Litoral Norte de Alagoas. Com o auditório do Salinas do Maragogi All Inclusive Resort lotado, Renan Filho afirmou que a região será prioridade no seu segundo governo, mas que concluiria o recapeamento da AL-101 Norte ainda neste ano.

A cobrança vem aí
De maneira organizada, os empresários que fazem parte do Costa dos Corais Convention & Visitors Bureau (CCC&VB) estão prontos para bater à porta do Palácio República dos Palmares para que o governador apresente o plano de trabalho para a região.

As reivindicações do Trade o governador já conhece, porque recebeu das mãos de Luiz Cláudio Gonçalves, presidente do CCC&VB, uma carta com as demandas do setor nas áreas da infraestrutura, saneamento básico e segurança pública.

A hora é agora
Graças aos investimentos da iniciativa privada, a ocupação - anual - na Costa dos Corais é de 75%. Nos feriados prolongados e alta temporada a ocupação chega 95% dos leitos.

Pendências do Estado
Maragogi e a Costa dos Corais têm as belezas que encantam e atraem o turista. Os empresários não param de investir, mas o Estado precisa agir nas obras de infraestrutura, como a conclusão do esgotamento sanitário no conjunto Adélia Lira, em Maragogi.

O abastecimento de água é outra preocupação, porque os poços artesianos que abastecem o segundo destino mais visitado do Estado sofrem com a salinização. A promessa do Estado é executar a obra de captação e distribuição da água de superfície (rio), prevista no plano da Casal, que também vai contemplar Japaratinga.

O DER iniciou recapeamento de trechos da AL-101 e fez seguidas operações tapa-buraco, mas sem concluir até a divisa com Pernambuco. Além disso há trechos sem sinalização e apresentando desníveis porque o asfalto foi aplicado em apenas um lado da rodovia. Em outros trechos há buracos, por conta da passagem do esgoto sobre o asfalto.

No limite
O trade turístico de Maragogi espera que o governador anuncie - e cumpra - as promessas feitas durante a sabatina com o setor, no dia 6 de setembro.

Comentários

Natura
Siga o AL1 nas redes sociais Facebook Twitter

(82) 996302401 (Redação)

© 2018 Portal AL1 - Todos os direitos reservados.