OPINIÃO E INFORMAÇÃO Facebook Twitter
Maceió/Al, 19 de março de 2019

Colunistas

Wadson Regis Wadson Regis
Jornalista profissional, formado pela Universidade Federal de Alagoas (Ufal), é editor-geral do AL1.
10/01/2019 às 20:29

Bolsonaro “copia” Marx Beltrão no Turismo... e isso é muito bom!

Este texto não é uma crítica ao governo do presidente Jair Bolsonaro, que acabou de começar com algumas cabeçadas e desencontros. Nada disso. Ele é um elogio, e não uma reprovação. E neste caso, o aplauso vai para uma “cópia”. Não digo plágio, porque isso não aconteceu. Falo cópia, mais suave, o que o leitor aqui pode adaptar e transformar para “continuidade”, “sequencia”, “seguimento”, ou o que preferir.

E onde isto ocorreu? No Ministério do Turismo. E o que foi “copiado” pela equipe de Jair Bolsonaro? Foi o plano de ação e as medidas adotadas neste mesmo Ministério pela gestão de um alagoano, o ex-ministro Marx Beltrão. Sim, a equipe do Ministério do Turismo de Bolsonaro “copiou”, ou melhor, deu “continuidade”, “sequencia” ou “seguimento” às medidas do deputado federal alagoano quando este ocupou esta cadeira na Esplanada dos Ministérios.

Quem revelou a “cola” foi uma leitura mais atenta feita ao documento da Distrito Relações Governamentais, empresa especializada em análise, pesquisa e relacionamento com o governo do Planalto. O documento traça um retrato do ministério do novo governo, apontando nomes e medidas fundamentais eleitas em cada uma das 22 estruturas ministeriais do presidente capitão.

No Ministério do Turismo de Bolsonaro, as duas principais medidas amplas que serão perseguidas pela gestão do “mito” são a aprovação da medida provisória (MP 863/2018) que eleva de 20% para 100% o limite de participação estrangeira em companhias aéreas, e a ampliação das ações de conectividade aérea em todo país. 

Quem acompanhou a gestão de Marx no Turismo nacional sabe que foi o ex-ministro quem defendeu, e começou a implementar, estas bandeiras nos campos secos do cerrado.

Tanto que, por ter começado e lutado para que tais medidas avançassem, Marx Beltrão foi homenageado no mês passado no Rio de Janeiro com o Prêmio Nacional do Turismo 2018. Um reconhecimento e tanto! O diagnóstico da Distrito Relações Governamentais é preciso, e os novos gestores bolsonaristas sabem disso.

Mas o que o povo não sabia, mas agora ficou sabendo, é que as políticas para o Turismo nacional do governo recém empossado, com justiça, não são tão novas assim... mas, feliz e contraditoriamente, são modernas... e saíram da cabeça do ex-prefeito de Coruripe, que passou pelo Ministério e deixou um legado para o setor e para o país.

Comentários

Natura
Siga o AL1 nas redes sociais Facebook Twitter

(82) 996302401 (Redação)

© 2019 Portal AL1 - Todos os direitos reservados.