OPINIÃO E INFORMAÇÃO Facebook Twitter
Maceió/Al, 16 de setembro de 2019

Colunistas

Wadson Regis Wadson Regis
Jornalista profissional, formado pela Universidade Federal de Alagoas (Ufal), é editor-geral do AL1.
09/09/2019 às 11:29

Confúcio tinha razão: o bem não faz barulho - MESMO

Tristes são os dias de hoje, para os que valorizam a informação. 

Independente da hora que você ligar a tv, certamente vai estar sendo exibida uma notícia desagradável, que pode ser algo relacionado à corrupção, violência, fofoca de famosos ou cenas que os filhos não devem assistir. 

Se apertar o botão para ouvir alguma rádio e aquele momento não esteja com música ou comercial, pode anotar, será o horóscopo, fofoca de famosos, algo relacionado à violência, corrupção ou conteúdo que os filhos não devem ouvir.

Nada muda quando abrir a homepage de um site de notícias. Violência em primeiro lugar, corrupção, fofoca de famosos e material de agências de notícias, geralmente copiado de um outro portal.

Até os jornais impressos (sobreviventes diários ou semanários) seguem à linha da inutilidade.

Agora, se entrar nas redes sociais, principalmente nos grupos de Whatsapp, aí a intolerância desbanca todos os canais acima citados.

Esse modelo paralelo de “comunicação” bem que poderia ser utilizado para fazer o contraponto dos grandes grupos e dos veículos a serviço. Mas tem sido pior. Neste modelo tem de tudo, mas o carro-chefe é a fake News, seguida pela intolerância.

Violência (roubo, assalto, furto, estupro), corrupção, fofoca, intolerância, demagogia e fake News... é o que temos ao ligar a tv, o rádio, clicar num site de notícia, abrir o jornal e utilizar as redes sociais.

Confúcio foi o mais famoso filósofo e pensador político da China e viveu entre 552 e 479 a.C. pois é... naquela época ele já defendia que o bem não faz barulho.

Ah, porque não vou falar da foto de Renan Filho pedindo LULA LIVRE? Simples: porque defendo que preso, condenado pela Justiça, cumpra sua pena. Claro, sem intolerância ao contraditório. 

Chega de blá blá blá...

Aos que pensam e plantam vento, que colham os frutos da tempestade.

Comentários

Natura
Siga o AL1 nas redes sociais Facebook Twitter

(82) 996302401 (Redação)

© 2019 Portal AL1 - Todos os direitos reservados.