OPINIÃO E INFORMAÇÃO Facebook Twitter
Maceió/Al, 16 de setembro de 2019

Esporte

08/09/2019 às 21:55

Alecsandro desencanta, CSA vence e sobe uma pisição

Apodi foi o destaque do Azulão -  Foto: Ailton Cruz - Gazeta de Alagoas Apodi foi o destaque do Azulão - Foto: Ailton Cruz - Gazeta de Alagoas

AL1

O CSA recebeu a Chapecoense neste domingo e venceu por 2 a 0. Em partida movimentada, válida pela 18ª rodada do Campeonato Brasileiro, o Azulão poderia até ter goleado, mas teve dois gols anulados e um pênalti desperdiçado. Ainda assim, conquistou uma importante vitória em casa.

Com o resultado, as equipes invertem as suas posições na zona do rebaixamento. O CSA chega aos 15 pontos e sobe para a 18ª colocação, enquanto a Chape se mantém com 14 pontos e agora é a vice-lanterna do campeonato.

O Verdão do Oeste fecha o turno no próximo sábado, às 17h, quando encara o Vasco na Arena Condá. Já o CSA joga no próximo domingo, às 19h, contra o São Paulo no Morumbi.

O jogo
Começando a partida a todo vapor, o time da casa teve dois gols anulados nos minutos inicias. Aos quatro, Apodi apareceu como homem surpresa dentro da área e tirou do goleiro para marcar. A arbitragem, entretanto, assinalou impedimento do lateral.

Não demorou muito para o segundo gol anulado acontecer. Aos oito, Apodi apareceu novamente dentro da área e escorou para Alecsandro empurrar para as redes. No início da jogada, entretanto, o árbitro Vinicius Gonçalves Dias Araujo assinalou falta do lateral em Eduardo.

O CSA teve mais uma chance de abrir definitivamente o placar, aos 20, quando Naldo foi derrubado dentro da área. Na cobrança do pênalti, entretanto, Alecsandro parou na defesa de Tiepo.

Foi só aos 39 que o Azulão anotou o gol validado. Alecsandro apareceu no primeiro pau para desviar de cabeça o escanteio batido por Jonathan Gomez.

Na segunda etapa, a Chape teve a chance de empatar logo aos quatro minutos, quando teve um pênalti a seu favor. Na cobrança, entretanto, o goleiro Jordi voou para pegar a cobrança de Everaldo.

O time catarinense mantinha a bola para buscar o empate, mas viu a sua situação se complicar com duas expulsões. Primeiro, Márcio Araújo parou um contra-ataque, levou o segundo amarelo e foi para o vestiário mais cedo. Poucos minutos depois, Gum acertou a sola na cabeça de Safira e também recebeu o vermelho.

Com ampla vantagem numérica em campo, bastou ao CSA apenas controlar a partida. O Azulão ainda selou a vitória com gol de Jonathan Gómez aos 48 minutos.



lance

Comentários

Natura
Siga o AL1 nas redes sociais Facebook Twitter

(82) 996302401 (Redação)

© 2019 Portal AL1 - Todos os direitos reservados.