OPINIÃO E INFORMAÇÃO Facebook Twitter
Maceió/Al, 22 de setembro de 2018

Segurança

22/06/2018 às 12:38

Ronda no Bairro começa a atuar no Centro de Maceió em julho

Governador Renan Filho anunciou, durante reunião com comerciantes e diretores de associações de lojistas, atuação do Ronda no Bairro, no Centro de Maceió Foto: Márcio Ferreira Governador Renan Filho anunciou, durante reunião com comerciantes e diretores de associações de lojistas, atuação do Ronda no Bairro, no Centro de Maceió Foto: Márcio Ferreira

Severino Carvalho e Ana Daniella Leite
Agência Alagoas

O Ronda no Bairro vai atuar no Centro de Maceió. O anúncio foi feito pelo governador Renan Filho e o superintendente do Programa, coronel PM Cícero Silva, durante reunião com comerciantes e diretores de associações de lojistas, realizada na noite de quinta-feira (21), no Salão de Despachos do Palácio República dos Palmares. 

O lançamento do Programa, que já atua com êxito no bairro do Jacintinho e na orla da capital, vai acontecer na área central de Maceió no início de julho. Segundo o setor, o Centro da capital concentra mais de 600 empresas e mantém cerca de cinco empregos, onde diariamente circulam aproximadamente 12 mil pessoas. 

“O Ronda no Bairro vai sim chegar ao Centro. A parte central da cidade é uma das áreas que mais empregam em Alagoas e nós vamos fortalecer a segurança como maneira de garantir e melhorar as oportunidades para quem vende, fortalecer o lojista e garantir mais segurança para o cliente que frequenta o Centro e precisa ter sua integridade preservada”, declarou o governador.

O superintendente do Programa apresentou, durante a reunião, o funcionamento do Programa no Centro da cidade. De acordo com ele, o serviço de patrulhamento será realizado por 60 agentes de proximidade em dois turnos de serviço, divididos em 10 patrulhas que vão atuar a pé, em motocicletas, bicicletas e por meio de automóveis. 

“Estamos seguindo o curso natural e já planejado para o Programa, que é a sua expansão. Chegaremos ao Centro da capital prontos para atender as demandas das pessoas que trabalham, estudam e frequentam a região, como também estaremos aptos a apoiar e encaminhar casos de pessoas em situação de vulnerabilidade social do perímetro”, afirmou o superintendente do Ronda no Bairro. 

A anúncio foi recebido com entusiasmo pelos lojistas. Segundo o presidente da Aliança Comercial, Guido Júnior, a chegada do Ronda no Bairro no Centro de Maceió atende a um pleito da categoria. “Pra gente do comércio é muito bom, porque temos uma carência de policiamento na área, então acredito que pra gente não tem coisa melhor. Recebemos de braços abertos, inclusive a Aliança Comercial colocou à disposição do Programa salas em nossa sede para servir de suporte”, informou Guido.

Ele acredita que o Programa elevará a sensação de segurança no Centro da cidade, favorecendo a frequência de consumidores no comércio de Maceió e, consequentemente, as vendas. “É um grande passo para o nosso Centro. Será mais uma segurança tanto para o trabalhador como para o cliente. Automaticamente, esperamos aumentar as vendas do comércio”, acrescentou o presidente da Aliança Comercial.

Todo o efetivo do Programa é voluntário e composto por militares da reserva e da ativa da Polícia Militar de Alagoas (PMAL), do Corpo de Bombeiros Militar de Alagoas (CBMAL) e de egressos das Forças Armadas. As atividades do Ronda no Bairro estão sob a responsabilidade das Secretarias de Estado da Segurança Pública (SSP), de Prevenção à Violência (Seprev), da Assistência e do Desenvolvimento Social (Seades) e da Inclusão e Ressocialização Social (Seris).

Plano de negócios

Renan Filho aproveitou a reunião para anunciar que, em breve, o Governo do Estado vai retornar ao Centro a Central Já de atendimento ao cidadão. Ele informou que a decisão faz parte de um processo que será implementado com objetivo de reocupar e revitalizar prédios do Estado localizados na parte central da cidade e que estão ociosos. O objetivo é fortalecer a região social e economicamente.

 O governador propôs, ainda, a elaboração de um plano de negócios para o Centro de Maceió voltado à atração de investimentos públicos e privados. Ele colocou as secretarias de Estado à disposição para elaborar a proposta e sugeriu a participação do Sebrae na empreitada.

A reunião no Salão de Despachos contou, ainda, com a participação dos secretários de Estado da Segurança Pública, Lima Júnior; de Prevenção à Violência, Esvalda Bittencourt; de Desenvolvimento Econômico e Turismo, Rafael Brito; do diretor da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL), Luiz Antônio Jardim; do vice-presidente da Associação Comercial de Maceió, Marcos Tavares; do diretor de Administração e Finanças do Sebrae Alagoas, Roberval Cabral,  do comandante-geral da PM em exercício, coronel Wilson da Silva, dentre outros. 

Comentários

Natura
Siga o AL1 nas redes sociais Facebook Twitter

(82) 996302401 (Redação)

© 2018 Portal AL1 - Todos os direitos reservados.