OPINIÃO E INFORMAÇÃO Facebook Twitter
Maceió/Al, 19 de julho de 2018

Direitos Humanos

24/06/2018 às 16:30

Seminário discute o espaço das mulheres na política alagoana

Iniciativa foi proposta pela coordenadora do Instituto Raízes de Áfricas, Arisia Barros Iniciativa foi proposta pela coordenadora do Instituto Raízes de Áfricas, Arisia Barros

Dayris Carvalho

Garantir e compreender o papel da mulher, plena e efetivamente, na política e como a luta pela igualdade em oportunidades de liderança deve continuar. Esse é o propósito do seminário Qual o Lugar de Fala das Mulheres na Política Alagoana?, promovido pelo Instituto Raízes de África, com a apoio do Tribunal Regional Eleitoral (TRE/AL). O evento acontece no auditório do TRE no dia 25 de junho (segunda-feira), das 14 às 18h.

A proposta foi apresentada aos promotores de Justiça, Delfino Costa Neto, Alberto Fonseca, a promotora Lavínia Fragoso e ao promotor presidente da Associação do Ministério Público de Alagoas, Flávio Gomes da Costa Neto, na tarde da última terça-feira (19), no gabinete do Procurador-Geral da Justiça de Alagoas, pela coordenadora do Instituto Raízes de Áfricas, Arisia Barros.

“O seminário trará conhecimento a todo público feminino. Sobre como as mulheres precisam lutar pela estrutura e espaço, ter mais do que apenas seu potencial. Não é o simples fato de ser mulher e sim de como essa mulher irá representar outras dentro do parlamento, se criará mais oportunidade”, explicou.

Entre as pautas discutidas, a aprovação dos 30% do Fundo Especial de Financiamento de Campanha, em 22 de maio, pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) será destaque, como também a decisão que 30% do horário eleitoral gratuito no rádio e na televisão será destinado a candidaturas femininas. Um percentual que valoriza e incentiva a visibilidade da campanha política feminina, nos espaços de poder e decisão, havendo oportunidade de mostrar quem se é igualitariamente.

O evento terá uma banca composta de duas mulheres, Luciana Santana, cientista política da Ufal, e Débora Nunes, militante orgânica do MST. Também contará com Ediney dos Anjos, 4° Diretor Geral do TRE/AL que fará esclarecimentos sobre as cotas. Ao final, haverá um momento reservado para troca de experiências e debates entre os palestrantes e o público.

“Vai ser um encontro importante para todas as mulheres, especialmente as que planejam candidatar-se. Mostraremos os desafios e barreiras politicas que precisam ser encarados, além de entender como ter mais mulheres dentro de instituições públicas pode impactar a nossa democracia” explana Luciana Santana.  

O Governo do Estado apoia a iniciativa que será exclusiva para o público feminino, com entrada gratuita. As inscrições estão sendo realizadas através do site: https://www.doity.com.br/seminario-de-formacao-qual-o-lugar-de-fala-das-mulheres-na-politica-alagoana


Assessoria


Comentários

Natura
Siga o AL1 nas redes sociais Facebook Twitter

(82) 996302401 (Redação)

© 2018 Portal AL1 - Todos os direitos reservados.