OPINIÃO E INFORMAÇÃO Facebook Twitter
Maceió/Al, 29 de setembro de 2020

Geral

10/02/2020 às 21:00

Familiares, amigos e antigos companheiros de Parlamento se despedem de Jeferson Morais

Sepultamento será nesta terça-feira, às 14 horas, no Memorial Parque Maceió, no bairro do Benedito Bentes Sepultamento será nesta terça-feira, às 14 horas, no Memorial Parque Maceió, no bairro do Benedito Bentes

Familiares, amigos e antigos companheiros de Parlamento prestam suas últimas homenagens ao ex-deputado Jeferson Morais, cujo corpo está sendo velado no saguão da Assembleia Legislativa. Ele morreu na manhã desta segunda-feira, 10, vítima de um câncer no pâncreas. Morais estava internado na Santa Casa de Misericórdia de Maceió há cerca de um mês para tratamento da doença. O sepultamento será nesta terça-feira, 11, às 14 horas, no Memorial Parque Maceió, no bairro do Benedito Bentes.

Em nota, o presidente da Casa, deputado Marcelo Victor lamentou o falecimento do ex-colega de plenário. Victor e Jeferson Morais aturam juntos na 17ª Legislatura, de 2011 a 2015.

Emocionado, Jeferson Morais Filho, um dos sete filhos do ex-parlamentar, disse que o maior ensinamento que o pai lhe deixa é honradez e honestidade. “Meu pai prezava muito pelo bom comportamento da gente, que nunca envergonhássemos a família. Então fomos criados nesses preceitos de honestidade”, disse, destacando, com orgulho a trajetória de Jeferson Morais nos meios de comunicação. “Vindo de família pobre, nosso pai chegar onde chegou na Comunicação, chegando a ser deputado estadual por seis anos nesta Casa. Para nós era a nossa base. Nosso exemplo de homem chama-se Jeferson Morais: de retidão, de moral, de conduta e isso todos os meus irmãos carregam com eles”, declarou Jeferson filho, acrescentando que a lembrança do seu pai que mais lhe marca é a paixão que ele tinha pela música. Jeferson Morais foi, por muitos anos, empresário musical, tendo sido o criado de diversas bandas de música a exemplo de Bakanas do Brega e Banda Caliente.

Para o deputado Yvan Beltrão (PSD), que esteve no velório, além de excelente comunicador e um grande parlamentar foi um grande amigo. “Ele deixa um grande legado em todos esses aspectos. Criou bem seus filhos, se destacou no jornalismo e como político contribuiu muito por nossa Alagoas”, disse o parlamentar, lamentando a partida precoce do amigo.

Assim como Beltrão, o deputado Sílvio Camelo (PV), que também é jornalista, esteve na Parlamento para prestar suas últimas homenagens a Jeferson Morais. “Estive com o Jeferson há cerca de 60 dias e ele estava muito alegre, cheio de planos, me falava de alguns projetos que tinha; muito ativo na sua questão profissional. É uma perda lamentável e muito precoce”, contou Camelo, se solidarizando com a família enlutada.

Outro que veio se despedir do amigo e ex-colega de plenário foi o deputado federal João Henrique Caldas (PSB-AL). Ambos compuseram a 17ª legislatura. “O Jeferson sempre foi muito ativo e cheio de vida; ainda tinha muitos sonhos a realizar. Convivemos aqui durante quatro anos. Portanto, vivemos bons momentos, aqui na Casa; momentos de muito trabalho e tudo isso nos traz muitas recordações”, declarou JHC.

O ex-deputado Judson Cabral disse que a convivência com Jeferson Morais no plenário da Assembleia Legislativa foi uma grata surpresa para ele, que desfez toda a imagem que tinha do comunicador de gestos “que às vezes pareciam ser fantásticos” na televisão e no rádio. “Jeferson era homem humilde, de posições claras com os amigos. Enfrentamos aqui batalhas muito interessantes. Fizemos uma amizade sincera. Meu sentimento é de perda de um grande amigo”, assegurou Cabral.

Comentários

Siga o AL1 nas redes sociais Facebook Twitter

(82) 996302401 (Redação) - Comercial: [email protected]

© 2020 Portal AL1 - Todos os direitos reservados.