OPINIÃO E INFORMAÇÃO Facebook Twitter
Maceió/Al, 18 de junho de 2024

Notícias

06/06/2024 às 15:44

Secult divulga retificação do Edital de Valorização Junina - Prêmio José Lessa Gama

Danças típicas como as Quadrilhas Juninas e o Côco de Roda estão entre as categorias que podem concorrer. Alexandre Teixeira Danças típicas como as Quadrilhas Juninas e o Côco de Roda estão entre as categorias que podem concorrer. Alexandre Teixeira

João Brito

A Secretaria de Estado da Cultura e Economia Criativa (Secult) publicou, na última terça-feira (04), um ajuste na lista da documentação do Edital de Valorização Junina - Prêmio José Lessa Gama. A portaria foi publicada na edição do Diário Oficial do Estado de Alagoas. Confira aqui.

Com a retificação, a lista de documentos do certame inclui, agora, comprovantes de ausência de restrições, como certidões negativas de débitos municipais, estaduais, federais e débitos trabalhistas.

É importante frisar que, de acordo com o edital, cada proponente, seja pessoa física ou jurídica, só poderá apresentar uma inscrição e em uma única categoria.

O edital será realizado em duas etapas: a primeira, que será classificatória e eliminatória, inclui a seleção das propostas; e a segunda, de caráter eliminatório, compreende a habilitação jurídica dos participantes. Projetos vinculados a práticas discriminatórias ou desrespeitosas serão automaticamente desclassificados.

Ao todo 145 projetos serão premiados e distribuídos nas seguintes categorias: Quadrilhas Juninas - receberão R$ 8 mil cada, totalizando R$ 440 mil; Coco de Roda - receberão R$ 8 mil cada, totalizando R$ 240 mil; Bumba-Meu-Boi - receberão R$ 8 mil cada, totalizando R$ 200 mil; Trios de Forró Pé-de-Serra - receberão R$ 4 mil cada, totalizando R$ 100 mil; e projetos de Violeiros/Emboladores - receberão R$ 2 mil cada, totalizando R$ 20 mil.

Os interessados podem realizar a inscrição, até o dia 12 de junho de 2024, presencialmente na sede da Secult - localizada na Praça dos Martírios, Centro de Maceió - ou online pelo Cadastro Único da Cultura Alagoana (Cuca).

A documentação necessária inclui ficha de inscrição, projeto técnico, declarações de impedimentos e representação, currículo ou portfólio, cartas de reconhecimento, cópias de documentos pessoais, comprovantes de residência e de situação cadastral, entre outros.

Para mais informações acesse o site secult.al.gov.br.



Fonte: Ascom Secult

Comentários

Siga o AL1 nas redes sociais Facebook Twitter

(82) 996302401 (Redação) - Comercial: [email protected]

© 2024 Portal AL1 - Todos os direitos reservados.