OPINIÃO E INFORMAÇÃO Facebook Twitter
Maceió/Al, 20 de julho de 2024

Notícias

16/11/2021 às 15:42

Enfermeiros de Arapiraca participam de pesquisa promovida pela Ufal sobre o enfrentamento da pandemia

O Centro de Referência em Saúde do Trabalhador (Cerest) de Arapiraca está dando apoio à Universidade Federal de Alagoas durante execução de pesquisa sobre os “riscos e exigências do/no trabalho em Enfermagem no enfrentamento da pandemia de Covid-19 em Alagoas”.

O estudo, financiado pelo edital nº 06/2020 do Programa Pesquisa para o SUS (PPSUS), é coordenado pelo professor doutor Diego Souza, e conta com pesquisadores do Brasil e do México, que atuam com o objetivo de analisar como os processos de trabalho da Enfermagem impactam na saúde dos trabalhadores, no contexto de enfrentamento da pandemia da Covid-19 em Alagoas, considerando os riscos e as exigências do trabalho no referido campo profissional.

De acordo com o coordenador da pesquisa, o estudo pretende contribuir para fortalecer as ações de vigilância à saúde dos profissionais da área no enfrentamento da referida pandemia, considerando a importância da categoria no sistema de saúde e, em especial em emergências sanitárias.

A gerente do Cerest de Arapiraca, Dayana Pimentel, falou sobre a importância do apoio à pesquisa. “O estudo reforça a missão de desempenhar ações de promoção, prevenção e vigilância à saúde dos trabalhadores nos municípios das 7ª e 8ª regiões de saúde do Estado de Alagoas”, explicou a enfermeira.

A Pesquisa será realizada em três etapas e teve início em maio de 2021. A coleta de dados iniciou em outubro, quando foram disponibilizados contatos (e-mail e telefone) de profissionais que atuaram durante o contexto pandêmico em hospitais que serão objeto da pesquisa (no caso de Arapiraca, o Hospital de Emergência do Agreste Dr. Daniel Houly e o Hospital de Campanha Dr. José Fernandes de Lima).

O primeiro contato com os profissionais será através do envio do questionário (primeira etapa) para os endereços de e-mail repassados pelas instituições hospitalares mencionadas.

É importante salientar que a participação dos profissionais é fundamental para que o estudo possa gerar frutos para a Enfermagem em Alagoas.



Ascom Arapiraca 

Comentários

Siga o AL1 nas redes sociais Facebook Twitter

(82) 996302401 (Redação) - Comercial: [email protected]

© 2024 Portal AL1 - Todos os direitos reservados.