OPINIÃO E INFORMAÇÃO Facebook Twitter
Maceió/Al, 26 de maio de 2024

Notícias

03/04/2024 às 15:51

Proposta da Uncisal e Uneal é aprovada pelo Programa de Educação pelo Trabalho para a Saúde, PET-Saúde: Equidade

Uncisal participa das iniciativas do PET-Saúde desde 2009.  Ascom Uncisal Uncisal participa das iniciativas do PET-Saúde desde 2009. Ascom Uncisal

Danielle Cândido

O Programa de Educação pelo Trabalho para a Saúde (PET-Saúde: Equidade) anunciou os 150 projetos selecionados da 11ª edição da iniciativa que visa à qualificação da integração ensino-serviço-comunidade. A proposta da Universidade Estadual de Ciências da Saúde de Alagoas (Uncisal) e da Universidade Estadual de Alagoas (Uneal) foi aprovada e o projeto será desenvolvido na Secretaria Municipal de Saúde (SMS) de Maceió, sobre a temática de valorização das trabalhadoras e futuras trabalhadoras no âmbito do Sistema Único de Saúde (SUS).

As atividades do projeto PET-Saúde: Equidade serão executadas em torno das abordagens de gênero, identidade de gênero, sexualidade, raça, etnia e pessoas com deficiências. A temática está em conformidade com o Programa Nacional de Equidade de Gênero, Raça e Valorização das Trabalhadoras no âmbito do SUS, e contempla ainda questões sobre saúde mental e as violências relacionadas ao trabalho na saúde, processo de maternagem, acolhimento e valorização de mulheres, homens trans e outras pessoas que gestam.

“O projeto busca melhorar o acesso, a valorização e o acolhimento das pessoas de grupos vulneráveis em suas próprias identidades”, afirmou a tutora do projeto pela Uncisal, professora Lucélia Hora. Segundo ela, a iniciativa envolve 10 preceptores, 10 tutores docentes que submeteram o projeto, 40 estudantes das duas Instituições de Ensino Superior (IES) proponentes e ainda 1 vaga para apoiadores voltada para projetos e grupos sociais.

“A Uncisal participa das iniciativas do PET-Saúde desde 2009. O último, sobre a temática da Interprofissionalidade, foi um projeto extremamente importante que gerou a criação do Observatório de Educação Permanente na Universidade”, lembrou a professora Lucélia Hora. Ela citou ainda que, na última edição do PET-Saúde, foi lançado um e-book com as experiências dos estudantes, professores, profissionais do serviço e preceptores do serviço.

“Os ganhos para a universidade são de todas as formas, pois como o PET-Saúde é uma política indutora da formação, participar dessa iniciativa perpassa pelos campos do ensino, da pesquisa, da extensão e da gestão”, explicou Lucélia Hora. Nesta edição, em especial, a professora frisou que “o tema da equidade dentro do SUS será valorizado e deve ser incorporado nos currículos e na nossa formação, no nosso cotidiano, em prol do respeito às diferenças”.

As atividades do PET-Saúde Equidade iniciam em maio. Haverá processo seletivo para os estudantes da Uncisal e Uneal participarem da iniciativa.

Ascom Uncisal

Comentários

Siga o AL1 nas redes sociais Facebook Twitter

(82) 996302401 (Redação) - Comercial: [email protected]

© 2024 Portal AL1 - Todos os direitos reservados.