OPINIÃO E INFORMAÇÃO Facebook Twitter
Maceió/Al, 16 de novembro de 2018

Colunistas

Valderi Melo Valderi Melo
É jornalista profissional formado pela Universidade Federal de Alagoas (Ufal) desde 1994. Há 20 anos escreve sobre os bastidores da política alagoana.
01/05/2018 às 19:28

Em mensagem pelo Dia do Trabalho, Renan acusa Temer de retirar direitos dos trabalhadores

Em postagem, Renan ressaltou importância do Dia do Trabalho e fez críticas ao governo Temer Em postagem, Renan ressaltou importância do Dia do Trabalho e fez críticas ao governo Temer

Em mensagem divulgada nesta terça-feira, dia 1º de maio, o senador Renan Calheiros fez duras críticas a política econômica do governo Michel Temer (MDB) que retirou direitos garantidos aos trabalhadores brasileiros. Na mensagem, Renan acusa o governo Temer de desmontar a legislação trabalhista, agravando ainda mais o quadro de desemprego no Brasil.

Leia a mensagem abaixo

"No Dia do Trabalho, parabenizo mulheres e homens que tocam esse país avante!. Não temos muito a comemorar este ano, já que o governo Temer desmontou toda a legislação de proteção ao trabalhador e estamos diante de um quadro lamentável: desemprego se alastrando, redução de salários, precarização do emprego, queda da arrecadação, fim de direitos fundamentais do trabalhador, demissões coletivas sem entendimento com os sindicatos, terceirização descontrolada e sem limite, piora na vida da mulher trabalhadora, inclusive da empregada doméstica. Tudo isso desabou sobre os ombros de quem vive do trabalho assalariado no Brasil.

Mas sou otimista e acredito que no próximo ano estaremos diante de um cenário mais promissor, e longe deste governo que prioriza o Mercado enquanto flagela trabalhadores mais humildes. Torço para que meu partido, o MDB, reencontre sua origem em defesa dos trabalhadores e das garantias sociais.  Já perdemos o P com a ponte para o futuro. Se o Michel for candidato ou o Meirelles, vamos perder o M. Vamos ficar só DB. Perdendo letras, nós vamos perdendo o nome. Vai ficar o caos!. Por isso, defendo que o partido discuta uma alternativa à candidatura do Temer ou do Meirelles. Não é a ponte para o futuro. É a ponte para a sobrevivência do MDB. É a possibilidade de o partido reencontrar seu caminho, voltando a defender os trabalhadores e trabalhando em defesa deles.

Um bom feriado para todos!"


Comentários

Natura
Siga o AL1 nas redes sociais Facebook Twitter

(82) 996302401 (Redação)

© 2018 Portal AL1 - Todos os direitos reservados.