OPINIÃO E INFORMAÇÃO Facebook Twitter
Maceió/Al, 22 de outubro de 2019

Colunistas

Valderi Melo Valderi Melo
É jornalista profissional formado pela Universidade Federal de Alagoas (Ufal) desde 1994. Há mais de 24 anos escreve sobre a política alagoana.
30/01/2017 às 23:39

Por aclamação, Hugo Wanderley assume a presidência da AMA

Hugo Wanderley quando votava na eleição que o elegeu presidente da AMA. (foto: Arlindo Tavares/Ascom AMA) Hugo Wanderley quando votava na eleição que o elegeu presidente da AMA. (foto: Arlindo Tavares/Ascom AMA)

Sem disputa e por aclamação, o prefeito de Cacimbinhas, Hugo Wanderley (PMDB) foi eleito nesta segunda-feira, 30, novo presidente da Associação dos Municípios Alagoanos (AMA). A eleição, em chapa única, mantém a tradição da entidade nos últimos anos de ter eleições sem disputa entre os grupos políticos de Alagoas. Hugo substitui o ex-prefeito de Jequiá da Praia, Marcelo Beltrão, que administrou a entidade no último ano.

A votação iniciada por volta das 9 horas da manhã foi encerrada às 17 horas. A chapa “AMA Unida” liderada por Hugo Wanderley obteve 81 votos entre os 102 prefeitos com direito a voto na eleição. Além dele, a chapa é composta ainda pelos prefeitos de Coruripe, Joaquim Beltrão (PMDB), como vice-presidente; de Quebrangulo, Marcelo Lima (PMDB) na secretaria geral e de Palmeira dos Índios, Júlio Cézar (PSB) como 1º secretário.

Na 2ª secretaria foi eleita a prefeita de Barra de Santo Antônio, Emanuela Moura (PSDB); na 1ª tesouraria, o prefeito de Teotônio Vilela, Joãozinho Pereira (PSDB) e 2º tesoureiro, o prefeito de São José da Laje, Bruno Rodrigo Valença (PMDB). A posse da nova diretoria foi realizada logo após o encerramento da votação e contou com a presença do governador Renan Filho (PMDB) que trabalhou bastante pela união na entidade municipalista.

No discurso de despedida, o ex-prefeito de Jequiá da Praia, Marcelo Beltrão, presidente do biênio 2015/2016, ressaltou que os prefeitos precisam usar a estrutura da AMA para ter êxito nas suas gestões. “Ser prefeito é ser acima de tudo um municipalista. Essa é a missão. A AMA foi ator principal e não coadjuvante em algumas conquistas municipalistas. AMA é união”, afirmou Beltrão, bastante aplaudido pelos prefeitos que lotavam o auditório.

Presente ao ato de posso de Hugo Wanderley, o governador Renan Filho, destacou que a AMA é uma escola insubstituível. “Não há governo forte sem municípios fortes”, disse acrescentando que enxerga o papel importante que a Associação exerce nessa construção.

O governador Renan Filho confirmou que o nome do prefeito Hugo Wanderley para o comando da Associação Alagoana dos Municípios materializa o consenso tão almejado pelo segmento municipalista e seguido há anos pelas direções anteriores. Renan Filho lembrou que ajudou bastante na construção de uma chapa de consenso que garantiu a eleição de Hugo Wanderley para presidência da entidade nos próximos dois anos.

Em seu discurso de posse, Hugo Wanderley, garantiu continuar a luta em prol da pauta municipalista, criar um banco de dados de projetos para auxiliar os municípios, estimular os consórcios e fazer uma gestão próxima dos prefeitos. Ele destacou o trabalho desenvolvido pelo governador Renan Filho que tem garantido equilíbrio ao Estado e, aos municípios, parceria na execução de projetos importantes para o desenvolvimento das cidades.

Com 33 anos, Hugo Wanderley foi eleito prefeito de Cacimbinhas em 2016 com quase 80% dos votos válidos. Antes, exerceu por duas vezes o mandato de vereador e presidiu nos últimos anos a entidade que representa os vereadores em Alagoas, a Uveal. Ele é filho do médico José Wanderley Neto [um dos mais conceituados cardiologistas do País], que foi vice-governador do Estado entre 2007 e 2010 e neto do ex-prefeito de Maceió, Sandoval Caju.

Comentários

Natura
Siga o AL1 nas redes sociais Facebook Twitter

(82) 996302401 (Redação)

© 2019 Portal AL1 - Todos os direitos reservados.