OPINIÃO E INFORMAÇÃO Facebook Twitter
Maceió/Al, 21 de janeiro de 2021

Colunistas

Wadson Regis Wadson Regis
Jornalista profissional, formado pela Universidade Federal de Alagoas (Ufal), é editor-geral do AL1.
29/12/2020 às 08:26

A governabilidade é o que preocupa. Os nomes, não

Tenho os nomes dos futuros secretários de Maceió, já definidos, mas eles não representam nada, se o novo prefeito não tiver um plano perfeito para vencer os primeiros obstáculos. Preocupa-me a governabilidade da capital de Alagoas, que foi covardemente atacada, pelos candidatos, durante a campanha eleitoral.

Ao escolher um lado para eleger a Mesa Diretora na Câmara de vereadores, JHC demonstra que precisa amadurecer como executivo. Retardar anúncio de nomes só aumenta a expectativa de quem será equipe e diminui a importância do próprio prefeito que, a esta altura, tem 80% da equipe montada. 

Pelo andar da carruagem o grupo dos 11 perderá a eleição. Até aí tudo normal, na capital. Mas e se o prefeito não conseguir puxar mais nomes para aprovar as matérias que precisam de 2/3 = 17 votos? Se os 11 derrotados se rebelarem no primeiro e mais difícil ano para JHC? Será um desastre anunciado. Para quem não sabe a pauta mais emblemática para JHC será a providencial reforma administrativa. Com 14 votos não passa.

Tenho os nomes dos futuros secretários, mas citá-los, agora, é muito mais desimportante que minha preocupação com a governabilidade da administração de JHC.

A lua de mel termina após a posse. A partir daí o mundo real do novo prefeito terá a cobrança generalizada como a pauta de cada dia.

A governabilidade é o que preocupa. Os nomes, não.

Comentários

Siga o AL1 nas redes sociais Facebook Twitter

(82) 996302401 (Redação) - Comercial: [email protected]

© 2021 Portal AL1 - Todos os direitos reservados.