OPINIÃO E INFORMAÇÃO Facebook Twitter
Maceió/Al, 03 de março de 2024

Colunistas

Wadson Regis Wadson Regis
Jornalista profissional, formado pela Universidade Federal de Alagoas (Ufal), é editor-geral do AL1.
28/04/2017 às 08:00

Parada sindical começa em Alagoas tirando direitos da sociedade

Em Maceió as avenidas Durval de Goes Monteiro e Fernandes Lima fechadas. Rodoviária fechada e ônibus com pneu furado para evitar o acesso de qualquer veículo. No bairro Santa Lúcia os dois sentidos da principal avenida também estão bloqueados. Também há bloqueios em rodovias estaduais e federais que cortam o Estado. Hospital Universitário fechado e o HGE com atendimento reduzido. Todas as escolas das redes estadual e municipal e escolas privadas estão fechadas.

É assim que começa o protesto, liderado pelos sindicatos, Central Única dos Trabalhadores (CUT) e algumas siglas partidárias, como PT e PCdoB.

Os sindicalistas adotaram a estratégica do caos para cobrar direitos. Poderiam fazer a coisa certa e convocar a população para uma luta justa, mas o modelo adotado é o mesmo: quanto pior melhor.

O AL1 diz sim, aos direitos e garantias trabalhistas, mas diz NÃO ao modelo baderneiro que tira do cidadão comum até o direito de ir e vir, também garantido por lei.

Agindo assim os sindicatos não contam com o apoio do AL1, que defende a liberdade de expressão e a luta dos trabalhadores.

Por conta da "luta" das classes sociais hoje não tem banco, não tem escola, atendimento na saúde reduzido e o serviço público proibido de funcionar. 

PRF confirma bloqueios nas rodovias:

BR-316 - km 267, em Satuba;

BR-423 - km 101, entre Delmiro Gouveia e Paulo Afonso;

BR-104, em Murici;

BR-101, em Flexeiras.

De quem é o golpe?

Com pouca adesão do população sindicalistas fecharam os dois sentidos da Fernandes Lima

Ônibus, com pneu furado, evita entrada e saída de veículos no terminal rodoviário (Selmo Oliveira)

 

Comentários

Siga o AL1 nas redes sociais Facebook Twitter

(82) 996302401 (Redação) - Comercial: [email protected]

© 2024 Portal AL1 - Todos os direitos reservados.