OPINIÃO E INFORMAÇÃO Facebook Twitter
Maceió/Al, 25 de maio de 2019

Colunistas

Roberto Lopes Roberto Lopes
Formado em Letras, Jornalismo com pós-graduação em Comunicação Empresarial e Advogado
15/05/2019 às 17:19

Projeto que altera o nome do estádio Rei Pelé para Rainha Marta será votado na próxima semana

Estádio Rei Pelé poderá ter seu nome alterado para Rainha Marta Estádio Rei Pelé poderá ter seu nome alterado para Rainha Marta

A Assembleia Legislativa de Alagoas deve votar na próxima semana, o projeto de lei, de autoria do deputado Antonio Albuquerque (PTB), que altera o nome do Estádio Rei Pelé, situado no bairro do Trapiche, em Maceió, para Estádio Rainha Marta. A matéria estava pautada para ser votada nesta terça-feira, 14, mas foi adiada a pedido do deputado Bruno Toledo (Pros).

O autor do projeto disse que Marta é um exemplo de tenacidade do povo alagoano e sua história de superação e triunfos a tornam um símbolo de empoderamento feminino, desde Dois Riachos quando enfrentou preconceitos ao jogar futebol em meio aos garotos da cidade, até em Londres na Inglaterra, o superar notáveis nomes do futebol mundial, sendo a única hexa vencedora de títulos de melhor do mundo.

Antonio Albuquerque explica ainda que a relevância de Pelé para o esporte brasileiro e mundial é indiscutível e que merece todos os enaltecimentos por conta de sua grande carreira no futebol, porém, segundo o deputado, ele possui uma ausência de laços com o Estado de Alagoas.

“As grandezas de Marta e Pelé são irrefutáveis e incomparáveis. Ambos têm importância nacional e mundial, mas somente Marta tem a importância local por seus laços e identidade com o Estado, com o povo e com o futebol alagoano, o que a credencia ter a aclamação de seu nome, com o seu legítimo título de realeza, para designar o maior palco do futebol no Estado de Alagoas”, justifica Antonio Albuquerque.

A alagoana de Dois Riachos, Marta Vieira da Silva é a maior artilheira da Seleção Brasileira (considerando ambos os gêneros), eleita por seis vezes a melhor jogadora do mundo pela Fifa nos anos 2006, 2017, 2008, 2009, 2010 e 2018, consagrando-se a maior vencedora dessa premiação. Marta também se tornou a maior estrela da Seleção Brasileira Feminina capitaneando diversas conquistas como pratas olímpicas e ouros em pan-americanos, além do título de vice-campeã da Copa do Mundo de Futebol Feminino de 2007.

   

Comentários

Natura
Siga o AL1 nas redes sociais Facebook Twitter

(82) 996302401 (Redação)

© 2019 Portal AL1 - Todos os direitos reservados.